Alguém me ouve?

Suas orações são sempre ouvidas. Você pode ter certeza.

A misericórdia de Deus expressa na resposta à nossa oração: nossa oração não cai no vazio

 

Por: P. Evaristo Sada, L.C. | Fuente: https://la-oracion.com

Traduzido por: Tiago Silva

Tem acontecido com você que, sem esperar, você teve perguntas profundas que o assustaram? Perguntas que dão vertigem. Parecem dúvidas de fé. Acostumados a acreditar em Deus e a conversar com Ele, você duvida se suas orações chegam a algum lugar; você não sabe se alguém te ouve, se alguém o conhece e está realmente interessado em você.

Nós duvidamos se Deus nos ouve

Alguns ficam com dúvidas e Deus está esperando. É como se alguém com muita sede prefira ficar sedento e com a questão de saber se o poço estará vazio, em vez de jogar o balde com a esperança de encontrar água.

Este texto caiu em minhas mãos. Eles encontraram no bolso de um soldado morto no campo de batalha:

“Ouça, Deus … Nunca falei com você. Hoje eu quero dizer olá. Eles me disseram que você não existe e eu … bobo de mim! Pensei que fosse verdade. Eu nunca tinha olhado para o seu excelente trabalho, e ontem à noite, da cratera que cavou uma granada, vi seu céu estrelado e eu entendi que eu tinha sido enganado. Eu não sei se você aperta minha mão, mas, eu vou explicar para você e eu sei que você vai me entender. Neste horrível inferno encontrei a luz para olhar seu rosto. Não sei o que mais te dizer. Estou feliz por ter te conhecido. Bem, Deus, eu estou saindo … Eu gostei muito de você … Como você sabe, haverá uma luta sangrenta e talvez eu toque sua porta hoje a noite. Embora nunca tenhamos amigos, você me deixará entrar, se eu chegar até você? Mas … se eu estiver chorando! Vês, meu Deus? Eu não sou mais ímpio. É estranho, mas não mais tenho medo da morte “.

Certamente, na história da sua vida haverá episódios escuros. Talvez você esteja agora em um deles e você se pergunta profundamente se realmente há alguém que dá sentido a tudo, se alguém ouve sua oração. Você fala alto e ninguém responde.

Vá e pergunte a Deus

Quando tiver dúvidas, não tenha medo. Vá e pergunte a Deus: quem é você? Como és? Onde você está se escondendo? Eu sou alguém para você? Você me conhece? Você me ama como eu? Posso conhecer seu rosto algum dia?

Fale sobre o que o impede de falar com ele. Precisamente disso. Não vá para a oração apenas com a mente, como um clube de debate. Olhe se por inteiro; Veja o que você é, assim como você sente agora. Não tenha medo de se apresentar vulnerável. Vá com humildade e confiança. Fique em silêncio e espere sem medo pela resposta. Se Deus encontrar um coração humilde numa atitude de ouvir, ele responderá. Você pode escrever sua oração, como o soldado.

Você verá que Deus não está ausente, que a ausência foi outra … e talvez como um mecanismo de defesa você culpou Deus por não existir para você. A questão no final não é se Deus te escuta, mas se você o ouve. “Ele veio a sua família e sua família não o recebeu” (Jn 1,11). Ou você vive isolado, desconectado, sem prestar atenção ou não responde o que você esperava, e então você acha que está ausente.

Eles me contaram a anedota de uma criança que não recebeu o que pediu em sua carta ao Menino Jesus no Natal. Os pais dele, um pouco preocupados, perguntaram mais tarde: você está triste porque o Menino Jesus não ouviu seu pedido? E seu filho respondeu: “Sim, ele me ouviu! Mas ele disse que não. “Às vezes parece que não Ele responde ao que você pergunta, mas não é que não responda, é que a resposta é “não”“. Suas orações não caem no vazio. Deus sempre procura o seu bem, o melhor para você. Ele cuida de você como o mais novo de seus filhos. Ele sabe melhor do que qualquer um o que lhe convier. Mesmo que você não compreenda tantas coisas, confie em Sua inteligência e no amor de Seu Pai.

“Ou há alguém entre vocês que o filho pede e recebe uma pedra; ou se ele pede um peixe, recebe uma cobra? Se, pois, você, sendo mau, sabe como dar coisas boas aos seus filhos, quanto mais seu Pai, que está nos céus, dará boas coisas aos que lhes pedem! “(Mt 7, 9-11).

Enquanto você está procurando por você, você já encontrou isso, porque Ele vem até você.

Vem até você com sua atitude paciente quando se afasta de Ele, vem a você quando, em momentos de fragilidade, sente que o abraça com bondade em sua miséria. Ele vem até você, dando-lhe a verdadeira alegria, aquela paz profunda que nada e ninguém conseguiram dar a você como Ele; nem as posses, nem as realizações humanas, nem o prazer, nem qualquer pessoa. Ele diz que ele o ama com o simples fato de que você existe, ele diz a você através de seus pais, seus irmãos, sua esposa ou marido, seus amigos, seu status de batismo, a educação recebida, tantos gestos de bondade através de tantas pessoas que conheceu na vida. Ele diz que ele o ama também por ocasião dos golpes, contratempos, traições e falhas que fazem você sofrer tanto.

Ao longo do tempo você vê que tudo está ganhando significado

Sim, tudo está ganhando significado … mesmo o mais indecifrável e aparentemente sem lógica e significado. Nos bons tempos e os maus, quando você gosta da vida e quando mais te machuca, Deus está te dizendo que o ama. Em momentos difíceis, quando você sente que a tempestade ameaça afundá-lo, aprenda a sentir a mão de Deus que o sustenta e o leva ao porto seguro. Se a mão Dele faz para você um barco, o que você pode temer? Deus é fiel, você pode confiar nele. Enquanto tudo acontece e pode decepcionar, Ele nunca falha. Enquanto todos podem ignorá-lo e passar por você, Deus não consegue fazê-lo. Sua fidelidade é a nota de fundo naquela sinfonia eterna do amor de Deus por você.

Maldito seja o homem que confia no homem (…) Bem-aventurado aquele que confia em Deus, porque Deus não decepcionará sua confiança. É como uma árvore plantada nas margens da água, que desenha suas raízes à beira do riacho. Não temerá quando chegar o calor, e sua folhagem frondosa será; no ano da seca, não se preocupa nem se retrai em dar frutos. (Jer 17, 5a, 7-8)

Esse é o Deus que espera que você, vá e pergunte o que deseja ou apenas para estar juntos por um tempo. Ajoelhe-se à beira do córrego e coloque suas raízes, ao lado do Rio da Vida. Deus está sempre lá, dentro de você como em um tabernáculo, ouvindo você e sempre cuidando de você. Suas orações são sempre ouvidas. Você pode ter certeza.

Ajude-nos a Evangelizar. Compartilhe este post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *