Terceira semana da Quaresma – Segunda-feira

MOTIVOS DE PENITENCIA TIRADOS DA CONSIDERAÇÃO DAS PERDAS SOFRIDAS POR CAUSA DO PECADO

 

I. Prel.: Imaginemos ver S. João Evangelista escrevendo estas palavras ao bispo de Laodiceia: Inflama o teu zelo e faz penitência (Apoc., III, 19).

II. Prel.: Peçamos a graça de reparar as perdas passadas com abundantes obras de penitência.

 

CONSIDERAÇÕES: – O pecado mortal faz-nos perder a amizade de Deus, a graça santificante, o direito à visão e posse eterna de Deus. favores inapreciáveis, recebidos no santo batptismo. Enquanto se persevera no estado de pecado mortal fica-se separado de Deus, inimigo seu, filho e escravo do demônio e sujeito à mesma maldição que ele! Quantos dias passamos talvez neste desgraçado estado! A soma de todos eles não constituirá parte notável da nossa vida?… Doloroso pensamento esse, que fez derramar abundantes lágrimas a um S. Agostinho! Só imolando-se constantemente sobre o altar do amor de Deus pelas obras de penitência é que encontramos consolação.

APLICAÇÕES: – Façamos o mesmo durante estes dias de penitência universal, durante a terceira semana da Quaresma. E se Deus nos preservou de quedas reiteradas no pecado mortal, lembremo-nos de que os nossos pecados veniais devem ser para nós motivo suficiente de penitência. Embora estes pecados não nos façam perder a amizade de Deus, é certo que a diminuem e esfriam. Cada falta venial impede-nos de adquirir um novo grau de graça, ao qual corresponde um grau de glória no céu. Contemos, se é possível, o número de pecados veniais e vejamos os graus de graça e de glória que temos perdido.
Que perda! Apressemo-nos a repará-la, tanto quanto em nós está, pelo fervor da penitência.

AFECTOS: – Peçamos instantemente este espírito.

PROPÓSITOS: – Durante este semana ponhamos generosamente em prática as diferentes maneiras de fazer penitência, indicadas na primeira segunda-feira da santa Quaresma.

FONTE: MEDITAÇÕES PRÁTICAS PARA TODOS OS DIAS DO ANO SOBRE A VIDA E DOUTRINA DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO,
P. BRUNO VERCRUYSSE, S.J.
LIVRARIA APOSTOLADO DA IMPRENSA, 1950
Ajude-nos a Evangelizar. Compartilhe este post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *